Resolver Problemas, a Resiliência te ajuda!


O que é resiliência?A física explica que a matéria tem capacidade de voltar ao seu estado normal mesmo depois de deformada, assim também somos nós e o nosso psicológico. A resiliência toma emprestado esse termo físico para descrever a qualidade que pessoas têm de se recuperar de acontecimentos ruins, de forma natural ou adquirida. Ser resiliente é uma condição psicológica, uma qualidade.

Manter o emocional, em situações em que normalmente ele estaria descontrolado, pode parecer requerer muito do ser humano, porém não chega a extremos, essa habilidade de resolver problemas pode muito bem ser trabalhada por etapas ou fatores, como:

Fatores

  • Administração das emoções é a capacidade do indivíduo manter-se quieto em momentos de estresse, servindo como uma espécie de guia aos outros alterados, o que implica em amadurecer a forma de se expressar.
  • Controle de impulsos é importante para que suas ações não sejam tomadas pelas emoções, evitando desconfortos causando por estímulos nervosos e musculares e sabendo separar os próprios problemas dos demais.
  • Otimismo estimula pensamentos bons e mudanças positivas, o que é bom, pois dá uma espécie de controle da vida individual, ignorando até convicções como o destino.
  • Análise do ambiente ou do campo onde as adversidades ocorrem auxilia na busca da raiz do problema e dá oportunidade de escolha para um local melhor.
  • Empatia é necessária para ser mais compreensivo, e tomar sempre atitudes pensando nos sentimentos alheios.
  • Auto eficácia é quando nos mesmos já temos a agilidade de lidar com nossos próprios problemas sozinhos.
  • Alcançar pessoas é uma etapa final, pois é necessário estar pronto para as outras até chegar nessa, o que faz sentido, pois é necessário saber lidar consigo mesmo, avaliar como você irá lidar com as pessoas antes de poder se juntar a elas, sem medo de decepções e fracassos.

Mais detalhes

A resiliência explica como pessoas que passaram por acontecimentos traumáticos, como acidentes, perda de alguém amado, estresse diário, aquisição de incapacidade física, entre outros males, não se deixam abater ocupando o lugar de vítima.

O resiliente é ético e possui prazer em trabalhar, podendo se recuperar dessas complicações e crescer com elas; é capaz de ter compaixão até por alguém responsável pela causa do problema.

É necessário às vezes, contudo, que o indivíduo tenha apoio, por menor que seja, para restaurar a sua auto-confiança. Isso implica em dizer que o resiliente tem mais garra no que diz respeito aos seus sonhos e sucesso, alcançando um e já tendo outro como primordial, mas, mesmo que o sonho não se realize, o indivíduo não considera a perda um prejuízo, afinal, tudo o que foi tirado dele foi com um propósito.

Os resilientes são contemplados de bom humor, aceitação, calma e equilíbrio, deixando-o de bem com a vida.