Principais causas da sinusite


Sinusite

Ao redor do nariz, dos olhos e das maçãs do rosto, existem cavidades que formam os chamados seios da face, que são responsáveis pelo aquecimento do ar que respiramos, pela ressonância da voz e por deixar o crânio mais leve, facilitando sua sustentação.

Essas cavidades são revestidas por uma mucosa que quando inflama causa a Sinusite, que tem como principais sintomas dor de cabeça, principalmente na região dos seios da face, febre, coriza com secreção amarela ou esverdeada, algumas vezes acompanhada de sangue, tosse, falta de apetite, entre outros. Ela pode apresentar-se de forma crônica ou aguda, sendo que os sintomas são os mesmos para as duas formas, com maior frequência dos ataques de tosse, principalmente à noite e ao amanhecer.

Sinusite

A doença aparece por diversos fatores, sendo comum o seu surgimento após gripes e resfriados, pois estas doenças deixam a mucosa nasal e dos seios da face infeccionadas, assim como acontece também nas crises alérgicas respiratórias, facilitando a instalação de germes oportunistas. Ela também é comum em pessoas com algum tipo de deformação anatômica no aparelho respirador que impeça a drenagem correta do muco produzido e as mudanças bruscas de temperatura podem facilitar seu surgimento.

O tratamento deve ser prescrito por um médico que prescreverá a medicação correta para a doença, e em casos de pessoas alérgicas é necessário fazer também a prevenção das crises, a fim de evitar que elas evoluam para uma sinusite. Vale lembrar que sinusite não deve ser considerada uma simples gripe, sendo necessário dar maior atenção a estes casos.