Oração a São Mateus


Oração a São Mateus

Oração a São Mateus | Imagem: Reprodução

Há mais de dois mil anos, na época de Jesus Cristo, os impostos eram cobrados de forma exploratória, o que levava muitos judeus a passarem fome pela falta de recursos. Esses impostos eram cobrados por homens cruéis, frios e que agiam sem nenhuma pena. Um desses homens era Levi, filho de Afeu.

Quando Jesus estava passando para pregar a palavra de Deus na cidade de Cafarnaum, encontrou Levi. Olhou-o bem nos olhos e disse-lhe: “Segue-me”. Foi aí que ele largou o seu negócio cruel de cobrar impostos, mudou seu nome para Mateus e tornou-se um apóstolo de Cristo. Alguns afirmam que essa atitude dele já vinha de um desejo antigo de se tornar um discípulo do Messias e que o fato de Jesus chamá-lo foi a motivação que ele precisava. A partir daquele dia, Mateus tornou-se fiel e um dos maiores apóstolos de Cristo, acompanhando-o em todas as suas jornadas e pregações.

Mateus foi o primeiro apóstolo a escrever sobre a história de Jesus em um livro, que ele chamou de Evangelho. As palavras escritas foram e ainda são vastamente usadas pelos fieis cristãos da Palestina e do restante do mundo. Quem ajudou a difundir esse Evangelho foi São Bartolomeu, que levou consigo uma cópia para a Índia.

Quando Jesus morreu e ressuscitou, os 112 apóstolos se separaram, indo cada um para uma parte do mundo. Mateus, foi para a região da Pérsia e Arábia, para evangelizar os povos que lá viviam. Entretanto, ele foi vítima de vários sacerdotes locais, que acreditavam em outros deuses. Ele foi condenado a ter os olhos arrancados e ser sacrificado aos deuses. Mas Deus não o abandonou, mandando que um anjo curasse seus olhos e o libertasse.

Em seguida ele foi para a Etiópia, onde sofreu a mesma perseguição de antes, dessa vez por feiticeiros que eram opostos à evangelização. Mas pouco tempo depois o príncipe herdeiro faleceu e Mateus foi convocado ao palácio. Usando sua fé, fez com que o filho da rainha ressuscitasse, o que causou extrema admiração e espanto em todos. Com isso, ele conseguiu converter a maioria da população daquele local.

Morte

Por não ter intercedido em favor do pedido de casamento feito pelo Rei Hirtaco à jovem Efigênia, São Mateus foi condenado à morte enquanto celebrava a Santa Missa, em cima do altar da Igreja.

Em 930, seus restos mortais foram levados para Salerno, na Itália, de onde é padroeiro até os dias de hoje, sendo o dia 21 se setembro a data oficial de sua comemoração.

Oração a São Mateus

Padroeiro dos Alfandegários, Banqueiros, Cambistas e Contabilistas

São Mateus que deixastes a riqueza para seguir com entusiasmo o chamado do Mestre, fazendo da pobreza um hino de louvor a Jesus, intercedei por mim, que me encontro em aflição. Vós que ouvistes do Mestre as palavras: “Não ajunteis para vós os tesouros da terra, a onde a traça e o caruncho os destroem, e onde os ladrões arrombam e roubam, mas ajuntai para vós os tesouros dos céus!” Ensinai-me ó São Mateus o verdadeiro valor das coisas terrenas e não permiti que a ganância e a soberba dirijam meus atos. Protegei o que é meu e de minha família da ganância e do alcance alheio, para que as minhas posses não lhes causem cobiça nem ensejem atos ilícitos desvairados. Ensinai-me por fim, a ajuntar tesouros no céu e a servir a Deus e não ao dinheiro. Escute minha oração!
Amém.