Mau Hálito – acabe com o bafo usando tratamentos simples

Mau hálitoAo contrário do que muita gente pensa, o mau hálito, ou halitose, não é uma doença, mas sim um sintoma de que algo no corpo do indivíduo não está em equilíbrio e que deve ser diagnosticado e posteriormente tratado de forma adequada para que o problema desapareça.

O que pode causar o mau hálito?

Vários estudos foram feitos para saber a origem do mau hálito. As mais recentes, comprovaram que existem dois tipos de causa, são elas:

- De origem bucal: que corresponde a cerca de 90% a 95% dos casos registrados;

- De origem extra-bucal: esse tipo é menos frequente, correspondendo a cerca de 8% dos casos registrados. Esse tipo pode ser originado tanto das vias aéreas superiores, como também do interior do organismo.

Nos casos onde a origem é bucal, que são os que ocorrem com mais frequência, existem mais de 60 causas conhecidas. Dentre as mais comuns, estão a saburra lingual e as doenças da gengiva. Já nos casos onde a origem é extra-bucal, a causa mais frequente são os cáseos amigdalianos e também alterações em alguns órgãos, como fígado, rins e intestino.

Muitos acham que o mau hálito pode estar relacionado também a problemas no estômago. Entretanto, esse órgão não é responsável por tal problema, a não ser em casos raros onde o indivíduo possui Diverticulose Esofálgica ou refluxos. Lembrando mais uma vez, que é bastante raro o mau hálito ser causado pelo estômago.

Já a saburra lingual, cáseos e problemas na saúde da gengiva, estão presentes em praticamente 100% dos casos de origem bucal. Mesmo os cáseos sendo um problema nas vias superiores, a alteração do hálito se manifesta através da boca, já que as amígdalas estão localizadas logo no início da cavidade bucal.

Saburra, o caso mais frequente

A saburra é praticamente a causa mais comum do mau hálito. Para quem ainda não sabe o que é, trata-se de uma placa bacteriana de cor esbranquiçada ou também amarelada, que se forma geralmente na parte posterior da língua, devido a uma descamação epitelial (que são pequenos fragmentos de pele que se soltam das bochechas e lábios. Essa placa, forma uma “massinha”, que deixa o hálito bastante forte e com cheiro desagradável, já que ele é feito de matéria orgânica. A saburra é a principal causa daquele mau hálito que se tem logo de manha quando se acorda.

Tratamento e prevençãoArmas contra o mau hálito

Como o mau hálito é um problema que afeta não só você, mas todo mundo que vive ao seu redor, é preciso tratar o mais rápido possível. Para isso, existem algumas dicas que devem ser seguidas, confira:

  • Escovar os dentes no mínimo três vezes ao dia e após as refeições;
  • Usar fio dental regularmente, pelo menos ao dormir e ao acordar;
  • Escovar bem a língua. Para isso, use um limpador adequado para essa área, ou use uma escova macia, fazendo movimentos leves, pois a língua é bastante sensível e qualquer ferimento, pode comprometer o seu paladar;
  • Use enxaguante bucal;
  • Evite o cigarro.

Se nenhuma dessas dicas funcionar, procure um médico para que ele avalie o seu problema e possa diagnosticar qual a causa do mau hálito.

Recomendar:

Comentários

Sobre o autor

Redação

SiteTwitterFacebook