Biografia/história do empresário Abílio Diniz(dono do Pão de Açúcar)


Abilio Diniz

Abílio dos Santos Diniz nasceu em São Paulo, no dia 28 de dezembro de 1936.

Filho de um imigrante portugues chamado Valentim – ele era dono de algumas padarias localizadas em São Paulo – e de Floripes, a quem ele atribui a influencia de sua fé católica.

Na infância e na adolescência ele dedicou muito do seu tempo ao esporte. Praticou futebol, boxe, judô, capoeira e musculação. Tais hobbys lhe rederam muitos frutos, como a capacidade de liderança e o autoconhecimento.

Após acabar o segundo grau, em 1956, entrou para Escola de Administração de Empresas a FGV (Fundação Getúlio Vargas). Lá Abílio despertou seu interesse pela pesquisa acadêmica de Economia.

Após acabar o curso de administração Abílio considerava dois caminhos para sua vida: galgar um emprego de executivo numa multinacional ou continuar seus estudos fora do país.

Escolheu a segunda opção, e quando estava de malas prontas para ir estudar em Michigan – EUA – seu pai o chamou para participar de um novo tipo de negócio: um supermercado.

Em abril de 1959 Abílio e Valetim abrem o primeiro Pão de Açúcar, localizado na Avenida Brigadeiro Antônio.

Logo após ele se casa com Auri, com quem tem quatro filhos (Ana Maria, João Paulo, Pedro Paulo e Adriana).

Em 1963 abrem o segundo supermercado, em Higienópolis. Em 65 compra a rede Sirva-se.

Em 1979 ele torna-se membro do Conselho Monetário Nacional

Em meados da década de 80 os negócios começaram a dar prejuízos, isto por causa da crise econômica que o Brasil enfrentava durante a presidência de Fernando Collor de Melo.

A reviravolta para os supermercados Pão de Açúcar ocorreu após a associação com o grupo francês Casino, que assumiu em 1999 24% do capital votante da empresa.

Em 2000, o empresário iniciou um novo processo de reengenharia da Companhia Brasileira de Distribuição e assumiu a liderança no ranking das maiores redes de varejo do país.

O grupo encerrou o ano de 2000 com 416 lojas em onze estados brasileiros. Além dos supermercados Pão de Açúcar e Comprebem, fazem parte da rede o hipermercado Extra e as lojas de eletrodomésticos Extra-Eletro e as lojas do supermercado Sendas.

Em 2009 o Grupo Pão de Açúcar fechou a compra da rede Ponto Frio e tornou-se líder no varejo brasileiro, com cerca de 26 bilhões de reais de faturamento. A participação dos controladores do Ponto Frio foi adquirida por R$ 824,5 milhões, equivalente a 70,24% do capital total, com parte do valor pago com ações do Grupo.

Atualmente, Abilio Diniz tem se afastado das atividades operacionais da empresa, mantendo-se como presidente do Conselho de Administração.

COMPRA DAS CASAS BAHIA:

O Grupo Pão de Açucar anunciou no dia dia 4 de Dezembro de 2009 ter fechado um acordo de compra das Casas Bahia. O contrato visa a integração de negócios no setor de varejo e de comércio eletrônico. O faturamento está previsto para R$ 40 bilhões, o quinto maior entre empresas brasileiras. No entanto, a família Klein, da Casas Bahia, anunciou em 13 de abil de 2010 acreditar que o negócio foi subavaliado e os dois grupos reavaliam a fusão, com a renegociação de valores e algumas condições do contrato.