,

Curso de cuidador de idosos: Onde fazer?

A importância do cuidador de idosos vai além de garantir a saúde física e mental do paciente

Você sabia que existe curso de cuidador de idosos? Nesse post você vai descobrir qual a função deste profissional, onde fazer, quanto tempo dura e qual o valor a ser pago por esse tipo de curso.

Antes de mais nada é preciso dizer que a profissão de cuidador de idosos está com uma demanda crescente em todo o país. Isso acontece por causa do aumento da expectativa de vida e consequente envelhecimento da população. Só para exemplificar, pesquisas apontam que até 2025 cerca de 64 milhões de pessoas no Brasil terão mais de 60 anos. Desse número, mais de 2 milhões e meio terão alguma doença neurodegenerativa, como Alzheimer e demência.

Por isso o curso de cuidador de idosos é tão importante, pois prepara profissionais para lidar e atender a todas as demandas pessoas idosas. Especialmente das que possuem algum tipo de enfermidade que precise de cuidado e tratamento.

A boa notícia é que é possível encontrar cursos que ensinam como cuidar de pessoas idosas de maneira correta. Esses cursos geralmente são oferecidos por instituições como o Senac e a Cruz Vermelha por todo o Brasil. Há também diversos cursos gratuitos que podem ser feitos à distância. Vamos falar sobre cada um deles nesse texto.

O que é um cuidador de idosos?

Antes de mais nada é importante responder a pergunta, o que é um cuidador de idosos? Um cuidador é uma pessoa que fica responsável por dar toda a assistência necessária para o idoso e para a família dele.

O curso de cuidador de idosos pode ser feito na Cruz Vermelha ou Senac

Esse profissional é responsável por ministrar remédios, realizar a higiene e exercícios físicos e mentais (Foto: depositphotos)

Dessa maneira ele precisa auxiliar com o horário de remédios, dar banho e trocar fraldas, quando necessário, e até mesmo auxiliar com atividades físicas e exercícios mentais. Fora isso, o cuidador também é responsável por tentar manter a autonomia do paciente, mas sempre apenas no que for possível.

Essa profissão vem crescendo devido a dois fatores principais. O envelhecimento da população, que está vivendo mais tempo, e a vida corrida, que impede que seja alguém da família que esteja por perto para um cuidado especial.

Mas não se engane, uma pessoa pode fazer esse curso para melhor atender as necessidades de alguém da família. Isso é bastante comum no caso de idosos que desenvolvem alguma enfermidade neurodegenerativa, como o Alzheimer.

Quais as funções desses profissionais?

As funções que são delegadas a esses profissionais são relacionadas ao cuidado e bem estar do idoso. Isso inclui alimentação e medicação na hora correta, higiene, que pode incluir o banho e a troca de fraldas caso o idoso não consiga fazer isso sozinho, tempo de descanso e exercícios que estimulem tanto a parte física como a mental.

Veja também: O que é o Novembro Azul e a relação com o câncer de próstata

É possível ainda que o cuidador durma no local de trabalho. Contudo, é necessário firmar um acordo para ter acesso a todas as necessidades da família e quais obrigações o profissional terá.

No entanto é importante lembrar que o idoso precisa não apenas de cuidados básicos, mas de atenção e carinho. Portanto o profissional precisa ter agilidade e paciência para conseguir lidar com todas as atribuições do dia a dia.

Os cursos que são oferecidos geralmente cobrem todos os assuntos que são relacionados aos cuidados que se deve ter e ainda falam sobre necessidades especiais. Essas necessidades incluem as doenças neurodegenerativas, como demência.

Outras enfermidades como depressão, esquizofrenia e dependência em substâncias químicas também são abordadas, portanto são de responsabilidade do cuidador.

A maioria dos cursos também oferece noções básicas de primeiros socorros e de como lidar com quedas e fraturas. Coisas comuns para quem precisa lidar com idosos e que podem até ser fatais em alguns casos.

Por isso o cuidador também é responsável por manter o local onde o idoso vive livre de interferências que podem causar acidentes. Bem como também lidar com os serviços domésticos, caso ele viva sozinho e na hora das refeições.

Por fim, também é função do profissional prestar atenção aos sinais de problemas de saúde que podem ser apresentados pelo idoso. Isso porque muitas vezes um tratamento quando feito no início evita diversas complicações causadas pelas enfermidades nessa época da vida.

Quais os melhores cursos pagos?

Existem vários cursos de cuidador de idosos oferecidos por escolas profissionalizantes por todo o Brasil. Os mais procurados são os que são oferecidos pelo Senac e pela Cruz Vermelha.

Os dois cursos têm uma carga horária de mais de 60 horas de curso e são oferecidos em diversas cidades do Brasil. É possível saber em quais locais eles estão disponíveis através dos sites de cada instituição. Veja mais sobre cada um desses cursos.

Senac

O Senac oferece para diversas regiões do país o curso para cuidador de idosos. A carga horária dele é de 160 horas de duração e pode ser feito em vários horários.

O valor do investimento a ser pago é de R$624,00, que pode ser dividido pelo tempo de duração do curso. As aulas buscam preparar os futuros profissionais para lidar com todas as demandas que o cuidado de pessoas idosas requer.

Para saber se existe uma turma para a sua região basta acessar o site do Senac e fazer a procura pelo curso. Lá também é possível verificar os endereços e condições de pagamento.

Cruz Vermelha

A Cruz Vermelha é uma das maiores instituições de ajuda humanitária do mundo, que foi fundada em 1863, na Suíça. Hoje ela está presente em diversos países e conta com mais de 97 milhões de voluntários.

No Brasil a instituição oferece para algumas cidades o curso de cuidador de idosos. Os cursos podem ser feitos no período da manhã, noite, em regime integral ou apenas aos sábados. O custo de investimento é de R$138,00 que pode ser parcelado através do cartão de crédito. A carga horária é de 64 horas e é preciso ter no mínimo 17 anos para participar das turmas.

Veja também: Os principais cursos gratuitos do Senai

Nas aulas, o futuro profissional irá aprender, além das questões básicas, noções de yoga na cadeira de rodas e como melhorar a relação familiar. Tudo isso serve para garantir uma melhora na qualidade de vida e até mesmo prevenção de diversas doenças.

Para saber onde ficam esses cursos basta acessar o site da Cruz vermelha e procurar pela sua região. Lá também é possível verificar os endereços e telefones para contato.

Existem vários cursos de cuidador de idosos oferecidos por escolas profissionalizantes

Os assuntos abordados nos cursos vão desde o relacionamento familiar, até a nutrição e higiene do idoso (Foto: depositphotos)

E os gratuitos?

Para quem não possui dinheiro para investimento ou quer fazer o curso para cuidar de alguém da família, existem opções que podem ser feitas de maneira online e gratuita. Dessa maneira não é preciso nem ter um deslocamento, com todas as aulas e certificados adquiridos sem sair de casa.

Os principais são os da Prime Cursos e o da Certificados Cursos Online. Ambos têm uma duração de 35 horas, são reconhecidos pelo Ministério da Educação e abrangem todos os conteúdos necessários. Confira aqui as informações sobre estes cursos.

Prime cursos

A Prime Cursos oferece um curso de 35 horas, gratuito, voltado para quem deseja se tornar um cuidador de idosos, profissionais da área da saúde ou familiares.

Na grade curricular aparecem todos os principais assuntos relacionados a área e como é possível lidar com os problemas do dia a dia. Esses assuntos vão desde o relacionamento familiar, até a nutrição e higiene do idoso.

Tudo isso é gratuito, reconhecido pelo MEC e com certificado caso você deseje trabalhar com isso. Para se inscrever basta acessar o site da instituição e procurar pelo curso de cuidador de idosos.

Certificados Cursos Online

Outro curso oferecido de maneira gratuita e à distância é do Certificados Cursos Online. As aulas também têm uma duração total de 35 horas e abrange todo o conteúdo necessário para garantir a qualidade de vida da pessoa idosa.

Esse curso também é voltado para pessoas que querem ser ou já são cuidadores de idosos, profissionais da saúde que querem aumentar os seus conhecimentos ou familiares. As aulas também dão acesso a diversos materiais que são relacionados com o tema.

Para se inscrever basta acessar a página da instituição e procurar pela modalidade do curso.

Veja também: Sonhar com enfermeiro

Quanto tempo dura o curso de cuidador de idosos?

Os cursos para cuidador de idosos que são oferecidos duram no mínimo 35 horas e podem chegar até 200 horas. Essas atividades podem ser teóricas, como nos cursos online, ou incluir estágios supervisionados como é o caso da Cruz Vermelha.

As horas de duração são divididas por turnos, no caso dos cursos presenciais. Esses turnos duram em média quatro horas ou podem ser em período integral. No caso dos cursos online o horário diário é livre. Dessa forma o tempo de duração dos cursos pode variar de pessoa para pessoa.

Dessa forma o curso oferecido pela Cruz Vermelha tem uma duração média de duas semanas. Enquanto que o do Senac dura, no mínimo, 40 dias. Tudo isso com certificado habilitado para trabalho no final das aulas.

Qual a importância dessa profissão?

A importância do cuidador de idosos vai além de garantir a saúde física e mental dele. Isso porque é de competência do profissional ajudar a manter o relacionamento familiar e autonomia. 

Assim, além de um enfermeiro e cuidador, o profissional também se torna uma companhia constante daquela pessoa. Esse cuidado se torna de extrema importância, principalmente para as pessoas que sofrem com doenças neurodegenerativas e que demandam um cuidado especial.

Sobre o autor

Jornalista com formação completa no curso de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo (UniFavip-DeVry). Experiência prática de dois anos em produção jornalística para TV e rádio (Mtb-PE: 6770). Atualmente atua na área de redação para web, nas áreas de educação, beleza e saúde alternativa. Além da formação no curso superior, possui experiência em produção de vídeo, diagramação de livros e revistas e marketing.