Revolução Francesa – história,datas e outros detalhes


bastilha

A Revolução Francesa é a mais importante de todas as revoluções. Dela surgiu as bases dos ideais iluministas. Tal revolução foi responsável por finalizar a Idade Moderna e deu iniciou a Idade Contemporânea. Se, contar seu que foi uma das responsáveis pela erradicação do absolutismo no mundo.

No momento da Revolução Francesa a França tinha uma sociedade onde a desigualdade social imperava. Nela o Primeiro Estado (clero) e o Segundo (nobreza) possuíam grandes privilégios, já o Terceiro Estado (a burguesia e os populares) ficavam as mercê dos interesses dos primeiros.

Aliado a isto havia a forte crise que passava o país, parte por causa da ajuda dada aos Estado Unidos durante sua revolução de independência, e parte a decadência do industria e comércio.

No mundo surgia o iluminismo, que pregava, entre outras coisas, a igualdade social.

Após o rei Luis XVI convocar os Três Estados para informar que iria aumentar os impostos cobrados ao Terceiro Estado, populares e burgueses começaram uma revolta geral.

O símbolo do início da Revolução Francesa foi a tomada da Bastilha, um presídio político, em 14 de julho de 1789.

Em agosto do mesmo ano, após muito anarquismo, foi escrita a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, documento muito influenciado pelas idéias iluministas.

No ano de 1790 os bens da igreja foram confiscados e no ano seguinte foi elaborada uma Constituição, que instituía a monarquia constitucional, acabando com o absolutismo na França.

Luis XVI até tentou retomar o poder, porém foi preso e condenado à mrte.

No ano de 1792 foi proclamada a república francesa.

Essa fase da revolução pode ser dividida em:

  • Poder dos girondinos (1792 a 1793): onde a alta burguesia predominava, com intuito de frear a revolução e obter uma acordo com o rei.
  • Poder dos jacobinos (1793 a 1794): predomínio dos populares no poder. Tal governo fez profundas mudanças no país. Eram liderados por Robespierre, um dos responsáveis pela anarquia que dominava o país. Muitas pessoa sofram mortas, acusadas de trair a nação. Tanta anarquia acabou por enfraquecer os jacobinos, que caíram, sendo seus líderes guilhotinados, dando espaço novamente aos girondinos.

Instalou-se no poder o Diretório, que era formado por cinco membros.

No ano de 1799 entre em cena um popular general, que logo tomou o poder para si, Napoleão Bonaparte.