Resumo do livro A Cartomante


Resumo do livro A Cartomante

Confira em detalhes o resumo do livro A Cartomante. | Foto: Reprodução

A Cartomante é uma obra (conto) escrito por Machado de Assis, um dos grandes nomes da literatura brasileira. Foi publicado originalmente em 1884, na Gazeta de Notícias, na cidade do Rio de janeiro. Saiba mais um pouco sobre o autor e confira o resumo da obra.

Resumo do livro A Cartomante

O livro A Cartomante gira em torno da história de Vilela, Rita e Camilo, que se envolvem em um triângulo amoroso. Tudo começa com uma conversa entre Rita e Camilo, onde ela revela que foi a uma cartomante motivada pelo medo profundo que ela sentia de perder ele para sempre. Todo esse medo vinha por conta de Vilela (seu marido) descobrir o caso que tinham. Camilo não dá importância para o assunto da cartomante, dizendo que se ela estivesse com problemas com o marido, procurasse-o.

Todo esse triângulo amoroso começou quando a mãe de Camilo veio a falecer. Como Rita e Vilela eram grandes amigos dele, confortaram-no, especialmente ela, que começou a visitar Camilo periodicamente, seduzindo-o logo em seguida. Até que um certo dia, ele recebeu uma carta anônima onde diziam que sabiam de toda essa aventura. Camilo ficou receoso de acontecer algo e passou a visitar com menos frequência a casa de Vilela, mesmo os dois sendo amigos desde a infância.

Um certo dia, Camilo recebe um bilhete de Vilela, pedindo que ele o visite com urgência. Imediatamente ele fica com medo, achando que Vilela descobriu tudo entre ele e Rita. Ele vai andando muito nervoso pelas ruas, até que decide visitar a mesma cartomante que sua amante havia ido.

A cartomante faz a mesma coisa que fez com Rita, acalma Camilo e diz que tudo se resolverá de uma forma pacífica e que nada de ruim acontecerá. Ele sai aliviado da casa dela e segue ao encontro de Vilela.

Quando chega à casa dele, antes mesmo de bater na porta, Vilela já aparece e o pede para subir até a sala superior. Chegando lá, Camilo fica horrorizado e grita assombrosamente ao ver Rita morta no chão totalmente ensanguentada. Vilela então o pega pela gola da camisa e lhe dá dois tiros à queima roupa com seu revólver, estirando-o no chão.

Personagens centrais

  • Camilo, o melhor amigo do casal Rita e Vilela.
  • Rita, que mantinha um caso com Camilo, seduzindo-o após a morte de sua mãe.
  • Vilela, amigo de infância de Camilo.
  • A cartomante, que é consultada pelos amantes.

Machado de Assis

Joaquim Maria Machado de Assis nasceu no Rio de Janeiro em 21 de junho de 1839. Ele é considerado um dos escritores mais importantes da história da literatura brasileira, pois escrevia em praticamente todos os estilos.

Ele nasceu em uma família pobre, cursando muito pouco uma escola e nem sequer frequentou uma universidade. Segundo seus biógrafos, ele usava sua superioridade intelectual para alcançar alpinismo social. Fez isso ocupando cargos importantes nos Ministérios do Comércio, Agricultura e das Obras Públicas. Com essa notória maturidade intelectual, tornou-se o primeiro presidente por decisão unânime da Academia Brasileira de Letras.

Sua obra é enorme, com centenas de contos e crônicas e romances que ficaram na história. Embora a maioria de suas obras terem toques fortes de ironia e pessimismo, ele conseguia sempre deixar resíduos de romance, o que tornava suas histórias interessantes.

Tudo o que escreveu foi de grande importância para as escolas literárias brasileiras, tanto do século XIX, como do século XX, sendo até hoje lidas e usadas em vestibulares e disciplinas da área.

Mas toda essa história teve fim no dia 29 de setembro de 1908, quando Machado de Assis veio a falecer por conta de uma úlcera cancerosa na boca. Atualmente, ele é lembrado como um grande gênio literário.