Regras básicas da natação profissional

Regras da natação

Aprenda algumas regras da natação. | Foto: Reprodução

Considerada uma das atividades físicas que mais beneficia o corpo, a natação trabalha em todas as estruturas musculares e esqueléticas, além de trazer grandes vantagens para o sistema cardiovascular e para a respiração. Muito mais que um esporte, a natação consiste em arte dentro d’água. Pode ser praticada profissionalmente em competições, trabalho (mergulhadores) e até mesmo para salvar a vida de pessoas que estão sendo afogadas.

A prática da natação como um esporte começou a se popularizar no século XIX e hoje já existem vários eventos esportivos no mundo inteiro em que a natação está presente. A Federação Internacional de Natação (FINA ) é quem organiza as competições a nível internacional e também os regulamentos do esporte.

Competição de natação

Em uma competição de natação o maior objetivo é nomear o nadador mais rápido, ou seja, que cumpra todo o percurso da prova em menos tempo. As competições são divididas de acordo com o tamanho do percurso, que pode ser de 50m, 100m, 200m, 400m, 800m e 1500m, e também modalidades de tipos de nados:

  • Crawl (nado livre)
  • Peito
  • Nado de costas
  • Borboleta
  • Medley (todos os quadros juntos na mesma prova)

Esses estilos apresentam especificações sobre a postura do nadador, como o posicionamento do tórax e o movimento dos braços e pernas. Cada modalidade desta é disputada por 8 atletas (posicionados em 8 raias separadamente), e nas raias centrais ficam os atletas que apresentam melhor tempo de realização de prova. No nado de costas o atleta inicia a prova já dentro da piscina, enquanto nas outras modalidades ele inicia a prova fora da água.

As modalidades de nado livre e medley ainda podem apresentar a categoria de revezamento (já que o início da prova é fora d’água, facilita a troca de nadadores), onde quatro atletas formam uma equipe e se revezam, cada um percorrendo uma parte do percurso.

Nas Olimpíadas de Pequin em 2008 foi adicionado uma nova modalidade (não oficial) ao esporte, a maratona aquática. Nela os nadadores precisavam percorrer 10 km.

O modelo oficial da piscina em uma competição apresenta 50 m de comprimento, divididos em 8 raias de 2,5 m de largura cada uma. Ao lado das raias externas existe um espaço suplementar mínimo que deve ser de pelo menos 20 centímetros, enquanto a profundidade não pode ser menor que 1,35 metros. Quando a temperatura da água está muito elevada fica difícil respirar, por isso ela não pode exceder os 21°C.

Algumas regras da natação – Infrações

  • Quando o atleta queima a saída duas vezes.
  • Quando nenhuma parte do corpo do atleta encosta na borda da piscina durante a virada.
  • Quando as duas mãos não batem na borda da piscina ao mesmo tempo nas modalidades peito e borboleta.
  • Quando o atleta faz uma pernada vertical de golfinho na saída da prova ou durante a virada.
  • Em provas com revezamento a equipe poderá ser eliminada se o atleta que está aguardando pular na piscina antes do seu parceiro terminar o percurso e encostar na borda da piscina.

Recomendar:

Comentários

Sobre o autor

Anna de Cássia

SiteTwitterFacebook