Quais os tratamentos contra depressão?


AntidepressivosO primeiro passo é a avaliação de um psiquiatra, que identificará qual tipo de depressão acomete o paciente, prescrevendo antidepressivos adequados, que começarão a atuar sobre a doença em duas a quatro semanas. Terapias alternativasO paciente deve se manter sob acompanhamento do psiquiatra, fazendo visitas regulares para que a dosagem dos medicamentos seja controlada, já que, muitas vezes, estes precisam de ajuste, devido a efeitos colaterais desagradáveis. Com o uso regular dos antidepressivos, a química cerebral é restaurada e a depressão melhora, tornando a vida do paciente mais tranquila e possibilitando a recuperação. No entanto, o tratamento continua por prazo indeterminado e o ideal é que o paciente mantenha a psicoterapia, participe de grupos de apoio e receba todo o carinho e atenção da família e amigos, pois quanto mais amparado estiver, melhor será o processo de cura, tornando a reincidência mais difícil de ocorrer.

Exercícios físicosTambém são aconselháveis: caminhadas ao ar livre, exercícios físicos, na medida do possível, e alternativas de atividades que deem prazer e alegria.

As chamadas Terapias alternativas, como: acupuntura, ioga, reflexologia, massagens relaxantes, etc. Além de dietas especiais (veja abaixo) e o uso de Florais de Bach, se mostram excelentes no auxílio do tratamento.

Fontes de informações:

www.drauziovarella.com.br

www.espacovidaclinica.com.br

www.copacabanarunners.net

dramarilenecosta.site.med.br