Quais os sintomas da gravidez?


Mulher grávida

Toda mulher quando desconfia que esteja grávida percebe logo pela sensação de alguns sintomas ‘estranhos’. Mas, não basta apenas saber quais são os sintomas, é preciso conhecer bem todos eles. Por isso, elencamos uma série de sintomas de gravidez com uma abordagem clara e objetiva, para que você avalie e tire suas próprias conclusões.

Principais sintomas

  • Náuseas e vômitos.
  • Dores de cabeça.
  • Cansaço, Sono e fadiga.
  • Urina frequente.
  • Seios doloridos e inchados.
  • Atraso na menstruação.

Esses são alguns dos principais sintomas de uma mulher que já se encontra em um processo de gestação. A partir daí, é preciso procurar um médico, de preferência um obstetra. E seguir os passos orientados pelo profissional.

Conhecendo os sintomas

1. Náuseas e vômitos

Geralmente aparecem quando a gestação caminha entre a 6º e 12º semanas. Cerca de 80% das mulheres gestantes passam pela fase do tradicional enjoo de gravidez. Isso ocorre devido à elevação das hormonas femininas. Mas, se vierem acompanhados de diarreia, febre ou até mesmo outros sintomas, a gestante deve imediatamente procurar um médico. Geralmente após o terceiro mês de gestação esses sintomas vão desaparecendo, mas, pode ocorrer deles perdurarem até o final da gravidez.

2. Dores de cabeça

Frequentemente ocorrem durante os três primeiros meses de gestação. E caso a mulher já tenha dores de cabeça com frequência, a tendência pode ser piorar. Não se tem comprovação da causa dessas dores de cabeça na gravidez, porém, segundo alguns médicos isso pode estar ligado com as variações hormonais do período de gestação, ou até pelo aumento da corrente sanguínea no corpo. Para não recorrer imediatamente aos remédios, uma compressa de água fria ou morna em volta do nariz e dos olhos, pode resolver o problema. Porém, essa dica não dispensa uma consulta médica.

3. Cansaço, Sono e fadiga

Também com mais frequência nos três primeiros meses, esses sintomas apontam que novos níveis hormonais estão surgindo no organismo. E que apenas indicam uma preparação para receber o feto. Podendo minimizar após esse período. Porém, é comum no final da gravidez a mulher sentir o cansaço natural do peso da barriga crescida.

4. Urina frequente

Os níveis renais também sofrem alteração no início da gravidez, principalmente pelo fato de haver um aumento na eliminação do sódio presente no organismo feminino.

5. Seios doloridos e inchados

Ocorre principalmente devido a elevação nos níveis de estrógeno e progesterona, o que fomenta as glândulas mamárias, elevando o volume dos seios, causando dor local e escurecendo os mamilos. São sintomas semelhantes ao de uma mulher em Tensão Pré Menstrual (TPM), contudo, o que diferencia, é que quando grávida, a intensidade desses sintomas aumenta consideravelmente e os mamilos ficam ainda mais sensíveis.

6. Atraso na menstruação

Com ciclo médio a cada 28 dias. A menstruação ocorre como uma renovação do corpo feminino e também como período de ovulação. Caso atrase, em adolescentes entre 12 e 16 anos, pode-se considerar normal, pois é o período em que o corpo feminino está passando por adaptações da fase infantil para adolescência. Sem falar que mesmo já adulta, a mulher pode atravessar fases de descontrole hormonal que causam atrasos menstruais. Mas, a partir dos 16 anos, se o atraso for conferido por mais de três meses, o indicado é procurar um médico imediatamente. Portanto, nem sempre o atraso na menstruação significa gravidez. Porém, se nos dias de período fértil da mulher, a menstruação faltar por mais de uma semana o ideal é procurar um médico, pois poderá ser gravidez.