Primeiros socorros para animais feridos (cães e gatos)


Primeiros socorros para animais de estimação

Caso ocorra algum acidente com seu bichinho de estimação, você deve agir rapidamente antes de levá-lo ao veterinário. Saiba como dar os primeiros socorros para animais. | Foto: Reprodução

Cuidar do seu animal de estimação é extremamente importante para que ele cresça saudável e bonito, como também para prevenir problemas mais sérios, que podem deixar sequelas ou levar à morte.

Quando um problema surge, a maioria das pessoas fica desesperada e não sabe como dar os primeiros socorros ao animal. Entretanto, os procedimentos iniciais podem ajudar bastante no atendimento veterinário. Pensando nisso, selecionamos algumas situações em que é preciso tomar alguns cuidados iniciais antes de levar seu bichinho ao veterinário.

Primeiros socorros para animais

Atropelamento

  • A primeira coisa a se fazer é manter o animal quieto, para que os movimentos não agravem ainda mais a situação.
  • Procure mantê-lo quente, pois sua temperatura tende a cair por conta do estresse causado pelo acidente.
  • Faça o possível para não mover o animal, pois pode haver uma ruptura no intestino ou estômago com um movimento errado.
  • Após isso, leve-o com urgência para um veterinário.

Queimaduras

  • De imediato, corte os pelos ao redor da queimadura, com bastante cuidado para não machucar a pele.
  • Lave com sabão neutro.
  • Se a queimadura foi simples, basta colocar um pouco de gelo no local.
  • Se foi um pouco mais séria, aplique ácido bórico.
  • Já se foi uma queimadura feita por substâncias químicas, como por algum tipo de ácido, o ideal é colocar leite de magnésio no local afetado.
  • De forma alguma, aplique gorduras sobre a ferida ou outro medicamento para humanos.

Afogamento

  • Levante o seu animal pelas patas traseiras, de modo que a água saia pelas vias aéreas. Pode ser necessário fazer algum tipo de procedimento de respiração artificial.
  • Caso não haja batimentos, faça uma massagem cardíaca, que deve ser feita com o animal deitado sob o lado direito. Coloque uma mão abaixo do coração (localizado atrás do cotovelo da pata dianteira esquerda) e outra em cima dele. Faça compressões de modo a estimular o batimento, de forma leve, porém rápida e com intervalos.

Intoxicação

  • Se o animal ingerir algo tóxico, você deve fazê-lo vomitar. Para isso, coloque água oxigenada na garganta dele. Leve o vômito para análise de um veterinário.
  • Caso a intoxicação tenha sido na parte exterior, lave o animal com água e sabão neutro e em seguida tire o produto usando álcool.
  • É muito importante que você não dê óleo, leite ou qualquer outro medicamento ao animal sem uma prescrição do veterinário. Isso pode agravar ainda mais o quadro de intoxicação.