Pacman Para Xbox Live


Se você é virgem, tudo bem. Se não gosta de comer arroz e batata frita, tudo bem. Se você nunca visitou um site pornô, até aceito. Mas se você NUNCA jogou Pacman em toda a sua vida, simplesmente você não existe.

O Erivelton disse que não existe brasileiro que não goste de futebol. EU não gosto. Mas um ser humano, e até extraterrestre que não tenha jogado Pacman, é simplesmente uma aberração, algum tipo de doença mais grave que a AIDS.

E como tudo que é antigo é bom (tem excessões), ontem, dia 06 de Junho, fora lançada a última versão desse jogo que só não perde para Paciência e Space Invaders, para o serviço on-line do console da Microsoft Xbox Live. Essa versão é uma despedida do gênio criador, Toru Iwatani, que está se aposentando da indústria de videogames que ele ajudou a construir, com esse simples, mas viciante jogo.

O “Pac Man Championship Edition” é a segunda e útilma versão desenvolvida pessoalmente por Iwatani, e foi criada para a disputa da final do Campeonato Mundial de Pac Man no Xbox, que é disputado em Nova York.

E mesmo com todos os avanços da tecnologia, Iwatani, recriou o jogo em 2D e sem qualquer modernismo de hoje em dia, preservando a originalidade do jogo. Ele está a venda no site do Xbox Live, por 10 dólares, quem quiser comprar, é só clicar aqui.

E na minha opinião leiga a respeito dos jogos, nada supera os antigos, é claro que tem muitos atuais que são perfeitos, mas a quantidade de jogos de hoje em dia sem o mínimo de graça e apenas um carregado de gráficos é gigantesca. A indústria de games está deixando de lado o exercício da mente, e desafios realmente desafiadores, e pondo em seus lugares a qualidade de gráficos, o que só dá beleza ao jogo e não qualidade. Prefiro muito mais jogar Mario World, Donkey Kong, e Top Gear, do que essas novas tecnologias que não oferecem desafios, fazendo com que seus jogadores se achem o máximo por ganharem com facilidade. Então, viva o Pacman!