“O Alquimista” de Paulo Coelho. Resumo do livro

O Alquimista

Escrito por Paulo Coelho e traduzido para mais de 56 idiomas, O Alquimista é um livro de ficção nacional que ganhou popularidade entre leitores por abordar temas como mistérios da humanidade, misticismo e destino.

Resumo da obra

Coelho narra a história de Santiago, um pacato pastor de ovelhas que se vê questionando sua vida, que embora feliz, torna-se ofuscada devido a sonhos reveladores. A decisão de largar tudo pro alto vêm com a chegada de um personagem enigmático, que desperta em Santiago a centelha da dúvida, o levando à abandonar o conforto das montanhas espanholas e aventurar-se nas traiçoeiras areias egípcias.

Com a promessa de encontrar um tesouro oculto, o pastor inicia uma longa caminhada em meio às escolhas, obstáculos e o encontro com uma figura decisiva no andar da carruagem: O Alquimista.

O livro tem a missão de mostrar as pessoas que seus sonhos podem ser alcançados, levando a tese de que o simples pode tornar-se complexo, vice versa, e que muitas vezes eles podem ser um só.

O autor

Carioca, virginiano e nascido em uma família de classe média, Paulo já escrevia desde a infância, sempre engajado em atividades escolares voltadas à poesia e teatro. É membro da Academia Brasileira de Letras e Mensageiro da Paz na ONU.

Sua vida foi marcada pelo envolvimento com drogas e ocultismo, levado a isso por adentrar no movimento hippie. Foi amigo íntimo de Raul Seixas e juntos revolucionaram o rock brasileiro da época. Já foi seguidor de Aleister Crowley, famoso ocultista inglês. Junto com Raul, e baseados na filosofia de Crowley, os dois deram início ao que nomearam Sociedade Alternativa, uma utópica forma de sociedade que tinha como máxima a lei criada por Aleister: “Faze o que tu queres há de ser tudo da Lei”. Não vingada, temos apenas vestígios de adeptos a esse modo de vida. Com o tempo, voltou a sua atenção totalmente a literatura, escrevendo obras sempre com uma pitada de misticismo, como:

  • Arquivos do inferno
  • Brida
  • O Monte Cinco
  • Veronika decide morrer
  • O Demônio e a Srta. Prym
  • Onze minutos
  • O Zahir
  • A Bruxa de Portobello
  • O Vencedor está só
  • O Aleph

Porém foi com O Alquimista, obra que o levou a fama internacional, que Paulo Coelho entrou para um dos 100 escritores mais conhecidos do mundo.

Recomendar:

Comentários

Sobre o autor

João Silva

SiteTwitterFacebook