História de Michelangelo e imagens de obras

Biografia

Nascido no dia 6 de março de 1475, na comuna italiana de Caprese, Michelangelo di Lodovico Buonarroti Simoni, ou simplesmente Michelangelo, como era conhecido, foi um dos maiores e mais importantes artistas da história do Ocidente.

Como era de costume na época, todo recém-nascido era levado para ser criado na vila florentina de Settignano, por uma ama. Aos três anos de idade, Michelangelo passou a viver na casa de seus pais e com apenas seis, sua mãe faleceu. Seu pai, Ludovico di Leonardo, era o administrador das vilas de Castello di Chiusi e Caprese, e mesmo sendo bastante popular, não era um homem rico. Todos as suas posses não eram suficientes para dá-lhes um padrão de vida elevado. Seu salário, que era pago pela República, era extremamente baixo, principalmente porque além de sustentar os filhos, ele tinha que pagar vários criados da sua casa.

Michelangelo iniciou-se na arte como um simples aprendiz dos irmãos Domenico e Davide Ghirlandaio, na cidade de Florença. De cara, logo perceberam seu incrível talento e habilidade. Por conta disso, os Medici o adotaram como uma espécie de protegido, fazendo vários trabalhos para eles, permanecendo em sua escola por dois anos. Ainda em Florença, foi bastante influenciado por vários escultores e pintores da época, até porque a cidade era praticamente um pólo de produção artística e cultural da Itália.

Quando Lorenzo Medici morreu, no ano de 1492, Michelangelo foi morar em Bolonha e permaneceu lá por quatro anos, até que foi convidado pelo Cardeal San Giorgio para mudar-se para Roma. O cardeal havia ficado admirado com a beleza da escultura “Cupido” que havia comprado dele. Foi nessa época, morando em Roma, que ele criou alguns dos seus trabalhos mais conhecidos até hoje: Baco e Pietá.

Em 1501, retornou para Florença e criou a pintura da Sagrada Família e a escultura de Davi. Dois anos depois, recebeu mais um convite para ir à Roma, dessa vez enviado por Júlio II. Foi chamado para fazer o túmulo papal, o qual nunca conseguiu concluir, pois sempre era chamado para fazer outras tarefas e trabalhos.

Em 1547, ele se tornou o arquiteto oficial da Basílica de São Pedro, no Vaticano.

No dia 18 de fevereiro de 1564, aos 88 anos de idade, Michelangelo veio a falecer, na companhia de alguns amigos e médicos. Seu corpo está sepultado na Basílica de Santa Cruz, em Florença, em uma tumba criada por Giorgio Vasari.

Principais Obras

  • A Criação de Adão;
  • Cúpula da Basílica de São Pedro;
  • Esculturas: Pietá, Davi, Moisés e Leda;
  • Martírio de São Pedro;
  • Julgamento Final;
  • Afrescos no teto da Capela Sistina;

Imagens de suas principais obras

Davi

Davi | Foto: Reprodução

 

O Juízo Final

O Juízo Final | Foto: Reprodução

 

Pietá

Pietá | Foto: Reprodução

 

Afrescos na Capela Sistina

Afrescos na Capela Sistina | Foto: Reprodução

 

Moisés

Moisés | Foto: Reprodução

 

Leda

Leda | Foto: Reprodução

 

Conversão de São Paulo

Conversão de São Paulo | Foto: Reprodução

 

O Martírio de São Pedro

O Martírio de São Pedro | Foto: Reprodução

 

Escravo Moribundo

Escravo Moribundo | Foto: Reprodução

 

A criação de Adão

A criação de Adão | Foto: Reprodução

Recomendar:

Comentários

Sobre o autor

Gabriel Oliveira

SiteTwitterFacebook