Frases de Bruce Lee


Frases de Bruce Lee

“O conhecimento vem do instrutor, a sabedoria do teu interior.” Veja esta e outras frases de Bruce Lee. | Foto: Reprodução

Nascido em São Francisco, nos Estados Unidos, Bruce Lee era filho de pais honcongueses, portanto passou sua infância e adolescência em Hong Kong. Ele veio ao mundo no dia 27 de novembro no ano de 1940 e acabou deixando-o no dia 20 de julho em 1973. Bruce Lee foi um grande ator, lutador, artista marcial, diretor, filósofo, roteirista e mestre em Artes Marciais. Aos 18 anos ele voltou aos Estados Unidos em busca de reivindicar sua cidadania americana e receber a educação superior. Durante essa época, Bruce começou a ensinar artes marciais e isso acabou fazendo a indústria cinematográfica se interessar em seus talentos que o levariam a papeis importantes em filmes e séries de TV. Críticos, comentaristas, a mídia em geral e outros artistas o consideram como ícone e inspiração, além de intitulá-lo como o lutador de artes marciais mais influente do mundo. Lee fundou o movimento das artes marciais chamado Jeet kune do.

Frases incríveis de Bruce Lee

  1. “Saber não é o bastante, é preciso aplicar. Querer não é o bastante, é preciso fazer.”
  2. “Mudar, não por causa da mudança, mas mudar para melhor.”
  3. “O futuro parece ser extremamente brilhante, com muitas possibilidades pela frente – grandes possibilidades. Como a canção diz: ‘Nós precisamos apenas começar’.”
  4. “Se você acreditar que uma coisa é impossível, você a tornará impossível.”
  5. “Otimismo é a fé que conduz ao sucesso.”
  6. “Erros são sempre perdoáveis se você tiver a coragem de admiti-los.”
  7. “Um homem sábio pode aprender mais com uma pergunta tola do que um tolo com uma resposta sábia.”
  8. “Quem quiser vencer deve aprender a lutar, perseverar e sofrer.”
  9. “Os que não sabem que caminham na escuridão, jamais verão a luz.”
  10. “O que você sabe não tem valor, o valor está no que você faz com o que sabe.”

Bruce Lee e sua carreira cinematográfica

Em Hong Kong, os seus filmes acabaram por elevar as produções de artes marciais tradicionais do local a um novo patamar de consagração e popularidade. Isso acabou aumentando o interesse do mundo ocidental pelas artes marciais chinesas na década de 1970. Os chineses tomam Bruce Lee como uma figura icônica, já que ele retratou tão bem o nacionalismo chinês em seus filmes. Além dos nativos da China, várias pessoas ao redor do mundo também se inspiram nele.

Filmografia

  • The Big Boss (Dragão Chinês) (1971)
  • Fist of Fury (A Fúria do Dragão) (1972)
  • The Way of the Dragon (O Voo do Dragão) (1973)
  • Game of Death (Jogo da Morte) (1974)
  • Enter the Dragon (Operação Dragão) (1973)

O triste fim de Bruce Lee

O dia 20 de julho de 1973 parecia um dia comum na vida de Bruce em Hong Kong. Ele estava na casa da atriz Betty Ting Pei juntamente com o produtor Chow e o ator George Lazenby discutindo a continuação do filme “Game of Death”. De repente, Lee começa a se sentir mal e Betty lhe deu um remédio contra dor de cabeça. Ele ficou desacordado ao tomar o remédio e, preocupada, a atriz ligou para Chow (que havia saído) e levou-o pra o hospital. Ao chegar no estabelecimento, Bruce ainda estava com vida, mas acabou falecendo logo depois. A autópsia revelou um aneurisma cerebral possivelmente provocado por alergia ao remédio. Uma triste fatalidade que deixou milhares de fãs desamparados.