Fotos de estrias em mulheres e homens

Este terror para toda a população feminina consiste em cicatrizes na pele, que são formadas depois que as fibras elásticas de colágeno são rompidas. Localizadas na camada mais profunda da pele, essas fibras podem romper por diversos motivos. Inicialmente elas apresentam cor avermelhada, pois estão em processo inflamatório. Depois de algum tempo o corpo vai produzindo mais colágeno para tapar a área rompida, mas este colágeno não possui melanina, que é o pigmento que dá a cor à nossa pele. Por isso que depois de algum tempo a cor das estrias vai clareando aos poucos até ficar branca. Em pessoas morenas, ao invés de ficarem brancas as estrias ficam escuras, chegando a ser até mais escuras que a tonalidade normal da pele.

Apesar de aparecer com mais frequência nas mulheres, não é um problema exclusivamente do sexo feminino. Muitos homens possuem estrias também, principalmente depois de ganhar e perder muito peso rapidamente. E elas não têm idade certa para atacar. Adultos, adolescentes e até crianças estão propícios a terem suas fibras de colágeno rompidas.

Os principais lugares do corpo onde as estrias aparecem são nas nádegas, coxas, culotes, barriga e nos seios. 90% das gestantes relatam o surgimento de estrias na barriga e no corpo depois da gravidez, pois a pele estica muito e rapidamente, rompendo as fibras elásticas de colágeno.

Existem vários tipos de tratamentos para as estrias hoje em dia, como as cirurgias plásticas, lasers e esfoliação da pele. Mas para não precisar fazer os tratamentos o melhor é você se prevenir o máximo possível para não surgirem. É só hidratar bem o corpo e a pele, beber bastante água por dia, alimentar-se bem e praticar exercícios físicos

O que pode ocasionar o surgimento das estrias

  • O ganho e a perca excessiva de peso de maneira rápida, pois submete a pele a ser esticada várias vezes, e ao voltar ao normal as cicatrizes aparecem.
  • A gravidez é um fator quase que certo para o surgimento de estrias, são raros os casos que não ocorrem. Mas hoje existem vários cremes que podem ser aplicados na barriga durante a gestação para evitar o surgimento delas.
  • Fatores genéticos também são importantes na hora de indicar as causas das estrias, pois a predisposição genética para elas é muito forte na herança hereditária.
  • O aumento na produção de hormônios como o estrógeno e a progesterona podem sensibilizar as fibras elásticas de colágeno, fazendo-as se romper com mais facilidade.

Fotos de estrias

Foto de estrias

Estrias novas, de cor vermelha, localizadas no abdômen. | Foto: Reprodução

 

Estrias brancas

Estrias na cor branca localizadas nas nádegas. | Foto: Reprodução

 

Estrias nas nádegas

As brancas são as mais antigas e mais difíceis de serem removidas no tratamento. | Foto: Reprodução

 

Estrias no bumbum

Podem aparecer em grande ou pequena escala. | Foto: Reprodução

 

Fotos de estrias

As que aparecem em pouca quantidade podem ser disfarçadas, mas o melhor é utilizar os tratamentos naturais. | Foto: Reprodução

 

Estrias muito brancas

Algumas ficam muito brancas graças a ausência de melanina. | Foto: Reprodução

 

Estrias durante a gravidez

É principalmente na gravidez que as estrias na barriga aparecem. | Foto: Reprodução

 

Pele de abdome com estrias

Depois que a pele é desesticada fica flácida e cheia de estrias. | Foto: Reprodução

 

Estrias em pele morena

Estrias em pele morena | Foto: Reprodução

Recomendar:

Comentários

Sobre o autor

Anna de Cássia

SiteTwitterFacebook