Dicas de como escolher um berço seguro e confortável


Berços

Há muitas dúvidas na hora de escolher que berço comprar, pois não se deve escolher apenas pela beleza. O principal critério na hora da compra deve ser sempre a segurança do bebê. Para isso existem várias recomendações que acabam tornando-se obrigatórias para quem pensa no conforto, bem estar e segurança do filho.

Dimensões do berço

O tamanho de berço mais comum é com 1,30 metros de comprimento e 70 centímetros de largura, que é baseado nos berços americanos. Mas existem também as versões nacionais que costumam ter 1,30 metros de comprimento e 60 centímetros de largura, que são mais indicadas para os quartos mais apertados.

Mas é importante saber que essas medidas referem-se à parte interna do berço, que deve ter a mesma medida que o colchão. O móvel por completo deve medir por volta de 1,50 metros de comprimento e 80 centímetros de largura.

Quanto à altura lateral do berço, deve ser de no mínimo 60 centímetros na parte mais baixa. Menor que isso há possibilidades do bebê pular quando estiver maior e se machucar. O espaço entre as barras do berço devem conter no mínimo 4,5 centímetros para impedir que o bebê prenda seus braçinhos ou perninhas caso seja menor que isto, e no máximo 6,5 centímetros para que ele não prenda sua cabeça.

Estrutura do berço

Quando a lateral do berço for ajustável, deve-se observar a que a altura máxima dela deve ser de 30 centímetros quando estiver em sua posição mais alta, e no mínimo 22,8 centímetros na posição mais baixa, que deve ser utilizada apenas quando a mãe estiver colocando ou tirando o bebê do berço.

É bom testar a praticidade de levantar e abaixar a lateral antes de comprar o berço, levando em consideração que muitas vezes a mãe está com o bebê no colo quando vai abaixá-la, o que pode complicar se a grade não for de fácil mobilidade. Mas também é necessário observar se não é móvel de mais a ponto de um bebê maior conseguir abaixar sozinho.

Nos berços com a parede feita de tela, o tamanho mínimo dos furos deverá ser de 7 milímetros e não deve permitir que o dedo do bebê passe pelo furo.

Dicas importantes!

  • Nas superfícies internas do berço não deve haver decalque ou adesivos acessíveis a criança para evitar que ela se machuque;
  • Se houverem rodas nos quatro pés, então é obrigatório que duas das rodinhas tenham travas para dar mais estabilidade;
  • Os parafusos dos berços desmontáveis não devem ser fixados diretamente na madeira, pois ela pode ceder com o tempo e afrouxar os parafusos, deixando o berço instável e com perigo de se desmontar a qualquer momento;
  • Dê preferência aos modelos com quinas arredondadas para ninguém se machucar;
  • Nunca coloque o berço perto da janela, para evitar o risco do bebê pular;
  • Mosquiteiros podem significar um acúmulo de poeira que resulta em uma reação alérgica no bebê, além de haver a possibilidade de a criança alcançar a tela, puxar e se enrolar inteira, correndo o risco de ser sufocada;
  • Protetores de berço podem causar asfixia na criança, reações alérgicas se juntar poeira e um bebê de 1 ano pode usá-lo como degrau para pular do berço.
  • Berços com cômodas ou trocadores embutidos são muito indicados para espaços pequenos;
  • Os modelos desmontáveis podem ser utilizados em casa no dia a dia sem problema algum.