CUIDADO! Você pode ser o PROXYmo


Proxy

Em toda minha vida de internauta a pior coisa que eu já conheci foi o tal do PROXY. Nem vírus, nem Windows ME, nem POPUPS, nem LEGS, nem nada (que português hein?!) foi pior do que o maldito PROXY.

Minha primeira experiência com esta criação do SATANÁS DE RABO-TRIDENTE-E-CHIFRES foi no ano passado quando mudei de provedor de internet (não mencionarei o nome pois é muito desconhecido, já que moro no interior) e logo no segundo dia percebi que não poderia nem entrar no CPANEL do meu site, muito menos me conectar via FTP ou baixar torrents de músicas SACRAS.

Tal problema fora resolvido após algum tempo com a desativação do proxy para com minha conexinha – conexão a velocidade de TARTARUGA TOUCHET. Porém num lindo dia eles resolveram fazer manutenção e, PIMBA! Tudo voltou a não funcionar como antes. Agora estou eu aqui sem HOMEM (não me levem a mal, pois eu sou MACHU!) ARANHA 3, tendo que subir meus arquivos através do CPANEL, com uma conexão lentíssima e com o PUT@ do Firefox que acabou de fechar a janela sozinho (ainda bem que este texto ficou salvo).

Sei que outros internautas também tem problemas com proxy e/ou provedores de internet, como por exemplo os blogueiros(as) Maysa de Castro e Rafael Slonik que foram vítimas dos serviços da NET VIRTUA e do LENTOX, ou melhor, Velox.