Claustrofobia: o que é? Sintomas, causas e tratamentos


Claustrofobia: medo exagerado de lugares pequenos.Claustrofobia é um distúrbio psicológico, no qual o claustrofóbico sente medo, não só de lugares fechados e pequenos, como salas, aviões ou carros, mas de lugares públicos  nos quais hajam multidões.

Este medo faz com que, sem razão alguma, a pessoa comece a sentir mal não só psicologicamente, mas fisicamente, com suor excessivo, coração acelerado, mão trêmulas, enfim, quase que um ataque de pânico.

Há pessoas que só de pensar na situação já começam a passar mal.

Este é um problema que se inicia na infância, por isto os pais devem levar seus filhos ao médico assim que perceberem alguma aversão a lugares pequenos ou a multidões.

A Claustrofobia pode desencadear a Síndrome do Pânico.As causas da claustrofobia podem ser genéticas (há pesquisas que provam que 70% dos claustrofóbicos têm parentes com os mesmos problemas) ou resultadas de algum trauma passado.

O tratamento da claustrofobia se dá pelo acompanhamento psicoterápico, que busca , entre outras coisas, erradicar de forma gradual os medos do paciente.

Junto a este tratamento é indicado a prática de exercícios e uma alimentação balanceada.

Lembre-se: esta é uma doença que deve ser tratada por um especialista o quanto antes, pois ela pode desencadear depressão.

Fontes de informações:

http://www.brasilescola.com/doencas/claustrofobia.htm

http://www.infoescola.com/psicologia/claustrofobia/