Botulismo – o que é, causas, sintomas e tratamentos

O que é Botulismo?

Botulismo é uma doença gravíssima causada por neurotoxinas que são pré-formadas pelo Clostridium botulium, o que é um bacilo anaeróbico encontrado no solo, nos alimentos e nas fezes de animais e seres humanos.

Causas do Botulismo?

Existem três tipos de botulismo: alimentar, lactente e das feridas.

Botulismo alimentar: se dá pelo consumo de alimentos em conservas ou alimentos feitos em casa. Os alimentos mais fáceis de serem contaminados são: vegetais como palmito e embutidos como peixes e frutos do mar.

Botulismo Lactente: este botulismo pode ocorrer nos primeiros meses de vida, por causa da ingestão dos esporos do Clostridium botulium, o que acarreta sérios problemas gastrointestinais e pode levar a morte.

Botulismo das feridas: pode ser causado por lesões traumáticas ou cirúrgicas infectadas pelo Clostridium e também pelo uso de drogas injetáveis.

Sintomas do Botulismo:

  • visão dupla e embaçada,
  • aversão a luz,
  • queda da pálpebra,
  • tonturas,
  • boca seca,
  • dificuldade para urinar,
  • intestino preso,
  • dificuldade para engolir,
  • se locomover,
  • falar,
  • paralisia dos músculos respiratórios.

Quais os tratamentos contra o Botulismo?

O tratamento para a intoxicação consiste em manutenção das funções vitais e uso de soro antibotulínico. O soro impede que a toxina circulante no sangue se instale no sistema nervoso.

A recuperação dessa doença é lenta, pois depois que a toxina se instala entre as células nervosas é destruída pelo sistema nervoso de defesa do corpo. Não há medicamentos ou soro que eliminem a toxina.

Dicas de prevenção contra o Botulismo:

  • Sempre ferva alimentos enlatados, pois eles muitas vezes podem estar contaminados.

ATENÇÃO:

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas através do site Blogodorium.net, o qual tem por objetivo a informação, divulgação e educação acerca de temas médicos. Tais informações não deverão, de forma alguma, ser utilizadas como substituto para o diagnóstico médico ou tratamento de qualquer doença sem antes consultar um médico.

Recomendar:

Comentários

Sobre o autor

Redação

SiteTwitterFacebook