Biografia e obras de Eugênio de Castro


Eugênio de Castro

Eugênio de Castro e Almeida foi o escritor que introduziu o estilo simbolista em Portugal através do livro “Oriastas” publicado em 1890.

O autor nasceu em Coimbra no dia 4 de março em 1869 e iniciou a publicação de suas poesias em 1884. Por volta de 1889 formou-se em Letras pela Universidade de Coimbra, aonde mais tarde chegou a lecionar. No mesmo ano, juntamente com João Menezes e Francisco Bastos, Eugénio fundou a revista e grupo “Os Insubmissos”, do qual era líder. No ano seguinte (1890) ele entrou para a história portuguesa por marcar o início do Simbolismo logo após uma estadia na França, que passava pelo período simbolista francês. Foram introduzidas várias inovações ao nível das imagens, rimas etc. na arte portuguesa, agora fugindo completamente da tradição romântica. Eugénio de Castro morreu no dia 17 de agosto de 1944.

Fases de sua obra

A obra de Eugênio de Castro foi dividida em duas fases:

Primeira fase

Conhecida por ser a fase simbolista, que corresponde à sua produção poética até o fim do século XIX. Usou rimas novas e raras, novas métricas, sinestesias, aliteração e vocabulário rico e musical.

Segunda fase

É a chamada fase neoclássica, correspondendo aos poemas escritos no século XX. O poeta está mais voltado à Antiguidade Clássica e ao passado de Portugal. É uma fase em que está um pouco saudoso.

Algumas obras do autor

  • Cristalizações da Morte (1884)
  • Oaristos (1890)
  • Horas (1891)
  • Sylva (1894)
  • Interlúnio (1894)
  • Belkiss (1894)
  • Tirésias (1895)
  • Sagramor (1895)
  • Salomé e Outros Poemas (1896)
  • A Nereide de Harlém (1896)
  • O Rei Galaor (1897)
  • Saudades do Céu (1899)
  • Constança (1900)
  • A Fonte do Sátiro (1908),
  • O Cavaleiro das Mãos Irresistíveis (1916)
  • Camafeus Romanos (1921)
  • Tentação de São Macário (1922)
  • Canções desta Negra Vida (1922)
  • Cravos de Papel (1922)
  • A mantilha de Medronhos (1923)
  • A Caixinha das Cem Conchas (1923)
  • Éclogas (1929)
  • Últimos Versos (1938)